Toma posse o novo Presidente da JUCEG

Na manhã da última quinta-feira, 14, foi empossado como Presidente da Junta Comercial do Estado de Goiás,EUCLIDES BARBO SIQUEIRA. Ele é Vogal representante da ACIEG-Associação Comercial e Industrial do Estado de Goiás. Egresso do ramo de educação e infraestrutura há mais de 15 anos, Euclides Barbo tem construído carreira de liderança em frentes importantes de mercado e representatividade empresarial, como as atuações na presidência do Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Goiânia (Codese), na Diretoria da Câmara de Dirigentes Lojistas de Goiânia, membro efetivo do Conselho da Cooperativa  SicoobLojicred  e, por último, foi Presidente da Associação Comercial e Industrial de Goiás (Acieg).Na solenidade também foram empossados os novos Vogais e seus suplentes para o quadriênio de 2019 a 2023. Sendo eles: Francisco Canindé Lopes, representantes do CRC/GO, André Luis Braga Rodrigues dos Santos, representante do CORECON/GO, Wandré Ramos Garcia, representante do CRA/GO, Luiz Gonzaga de Almeida, representante da FIEG, Antônio de Freitas Filho, representante da FAEG, Geraldo Emídio Borges Júnior, representante da FCDL, Raphael de Pina Luchetti, representantes da ACIA e Murillo de Faria Ferro, representante da OAB/GO. Na solenidade de posse estiveram presentes várias autoridades, entre elas o titular da Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços Wilder Morais, que na oportunidade esteve representando o governador Ronaldo Caiado, o Secretário da Casa Civil, Anderson Máximo de Holanda, e o Deputado Estadual, Delegado Humberto Teófilo. Além, de Presidentes das entidades e Associações que compõe o vocalato desta Autarquia. Logo após a solenidade de posse, ocorreu a Sessão Plenária Inaugural para iniciar o novo projeto à frente desta Casa. Segundo Euclides, o princípio básico da nova gestão será a agilidade para atender o desenvolvimento do Estado pela via do crescimento cada vez maior do registro de empresas. “Nosso desafio à frente da Junta Comercial do Estado de Goiás é semelhante ao trabalho que já desenvolvia na Acieg, que é o de aprimorar ainda mais o atendimento e a celeridade dos processos da Junta voltados para os empresários.  Isso é o que espera o empresariado da Junta. E essa agilidade vai se refletir no desenvolvimento do Estado”, resumiu.